Fé e tradição marcam caruru de Santa Bárbara em Feira de Santana

sábado, 4 de janeiro de 2014

Preços de frutas e verduras disparam em feiras livres: Aumento chega a 100 por cento


Ney Silva

Frutas e principalmente verduras vendidas em feiras livres de Feira de Santana estão com preços altíssimos. Considerada a maior feira livre da região, a do bairro Estação Nova é onde se concentra uma grande variedade de produtos. O Acorda Cidade foi saber de comerciantes e consumidores como está a situação. As reclamações são muitas. Os percentuais de aumento chegam a 30 por cento para as frutas e a 100 por cento para as verduras principalmente o tomate.
A comerciante Tanúzia Sena, vende frutas há quase 20 anos. Ela confirma que os preços tiveram um aumento de 30 por cento nos últimos 30 dias. Na opinião dela, quando isso ocorre, as vendas sofrem uma queda considerável. As fortes chuvas em algumas regiões da Bahia que prejudicaram as plantações e o reajuste do salário mínimo que passou de R$ 678,00 para R$ 724,00 são fatores  apontados pela comerciante como responsáveis pelos aumentos.

A situação ficou crítica também para os comerciantes de verduras. Produtos como tomate, cenoura, batatinha, xuxu, repolho, cebola e pimentão, estão com preços elavadíssimos com reajuste de 100 por cento. Uma saca de batatinha que em novembro custava R$ 80,00 subiu para R$ 160,00. Uma caixa de tomate que era vendida entre R$ 15,00 e 20,00 passou para R$ 70,00. No varejo o quilo do tomate que no inicio de dezembro podia ser comprado por R$ 1,00 subiu para R$ 4,00.
Há quase 30 anos vendendo verduras, a comerciante Francisca Carvalho Araújo, está preocupada com os aumentos. Segundo ela, os preços altos afasta os clientes e os que compram estão reduzindo a quantidade de mercadorias. Ela informou que os preços elevados faz sobrar mercadorias com uma perca muito grande, gerando prejuízos.

Ainda de acordo com a comerciante, no caso específico do tomate o preço ficou alto e a qualidade do produto caiu bastante. Francisca, acredita que pode faltar mercadoria nos próximos dias nas feiras livre da cidade.

Consumidores reclamam dos preços

Se para os comerciantes a situação ficou dificil, os consumidores também não estão satisfeitos com os aumentos. O advogado Luiz Gonzaga Ferreira, costuma fazer compras de frutas e verduras na feira livre da Estação Nova. Ele disse que os preços estão bastante altos e alguns fornecedores não foram fazer entrega de mercadorias em decorrência da elevação dos preços." Realmente nesse início do ano de 2014, a situação começa difícil e não sabemos onde vamos parar", afirmou.
A dona de casa Marlene Santos, achou um absurdo o reajuste aplicado nos preços das verduras. Por semana, ela costuma comprar R$ 100,00. Mas, por conta do reajuste só comprou R$ 60,00. Na opinião dela, o aumento do valor do salário mínimo teve influência nos aumentos.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

ESTUDANTES PROMOVEM GINCANA PARA AJUDAR ENTIDADES SOCIAIS

VÍDEO-01:AEROPORTO JOÃO DURVAL CARNEIRO: SIMULAÇÃO DE ATENTADO TERRORISTA

Acidente entre carreta e motocicleta mata comerciante

Lagartas devastam plantação da zona rural

Chuva deixa ruas do bairro Sobradinho alagadas e moradores cobram solução

População reclama do atendimento na emergência do Hospital Estadual da Criança

Trabalhadora rural fala de sua expectativa após as últimas chuvas

Grupo de canto da paróquia Senhor do Bonfim anima celebração de Corpus Christi 2013

Celebração eucarística de Corpus Christi 2013 em Feira de Santana-Bahia

Católicos feirenses lotam a Catedral para acompanhar sepultamento de Dom Silvério

35º BI está com tropa preparada para atuar nas eleições, diz Major

Palestra de Marcel Mariano marca lançamento da 34ª Semana Espírita

População feirense prestigia o desfile do 7 de Setembro

Capoeira é destaque na Caminhada do Folclore

Apa realiza feira para doação de animais

Diretores de escolas satisfeitos com resultado do Ideb

Diretores de escolas satisfeitos com resultado do Ideb

NOTÍCIAS EM VIDEOS

Motoristas reclamam de engarrafamento na BR-116 Norte

Ex-funcionários do ISG cobram direitos trabalhistas

5ª Feira do Livro: Uefs prevê 40 mil visitantes no evento

Poste ameaça desabar no centro comercial de Feira de Santana-Bahia

Desativação de pavilhão em colégio da rede estadual provoca protesto

aposentado enfrenta dificuldades para fazer cirurgia no Clériston Andrade

Mais de 80 entidades já se inscreveram para a Caminhada do Folclore em Feira de Santana

Criança com doença rara busca apoio para fazer cirurgia

Procissão do Jubileu:Pedidos,emoção e amor a Senhora Santana

Secretário de Desenvolvimento Urbano enfrenta protesto de moradores

Uefs sedia congresso baiano sobre engenharia sanitária e sustentabilidade socioambiental

Bando Anunciador: Cultura popular em efervescência com animação e protestos

Ginecomastia é doença comum entre a população masculina, diz médico

Hec cadastra crianças para mutirão nacional de cirurgias

Católicos prestigiam procissão de Corpus Cristi 2012 em Feira de Santana-Bahia

Prefeito Tarcízío Pimenta pede desculpas ao fazer avaliação da Micareta 2012

Usuário de drogas é morto a tiros dentro de casa

Grupamento Aéreo da PM-Ba faz operação durante Micareta 2012

Rainha da Micareta 2012 em Feira de Santana-Bahia diz como se preparou para disputar o título

Ocupantes de residencial no Aviário denunciam especulação imobiliária

PM faz operação e impede encontro de jovens organizado em redes sociais